Pop é isso aí

Eu não sei o que as pessoas superlegais pensam da Pitty hoje em dia. E nem me interessa na verdade. Quando ela apareceu, eu não agüentava nem ver a cara dela. Mas ela cantou no VMB e eu gostei muito.

Não sei o que é. Essa estrutura dos bregas clássicos, meio Odair José, é irresistível. O refrão gruda que é uma beleza. Pop da melhor qualidade.

Além do mais, como bem observa Mestre Palito (não perguntem), que pele firme ela tem! “É muito colágeno”, ele diz. E é verdade. Reparem.

19 comments

  1. Não sou uma pessoa superlegal, e sei que minha opinião não interessa, mas continuo achando essa Pitty uma bosta, absolutamente desnecessária!
    Bjs

  2. hahaha, demais! Tem tudo pra virar um clássico brega: um look assim meio Amy Winehouse na batida do Odair José. Iria estourar no Programa do Chacrinha. Adorei. E olha que eu nem gosto da Pity.

  3. Cara, como Pitty é ruim! Que voz de taquara rachada. O que falta em talento sobra em vulgaridade. Não sei como ela é, mas pra mim essa panca de “roqueira” é tão artificial que não convence nem meu sobrinho pequeno.

  4. Eu já tive banda e já fui amigo da Pitty, quando ela era a vocalista da melhor banda de HC de Salvador: Inkoma. Eu era o vocalista de uma banda que tinha a importância de abrir shows de bandas desconhecidas, como o próprio Inkoma…
    Eu deixei a música para me prostituir e ela resolveu se prostituir na música, diriam os bobos de plantão que acham que roqueiro não tem conta para pagar.
    O fato é que ela é uma caricatura pop do que foi há 12 ou 13 anos.

  5. Será que sou medíocre que consigo gostar de uma “easy leastening” sem me envergonhar?
    Não acho Pitty nem genial nem horror.
    Sejam menos duros. pra cada dedo apontado pra frente, tem 3 te apontando de volta.
    Não somos perfeitos e nem sempre damos o melhor de nós, pra que exigir tanto isso do outro?
    Como o blog diz que tem tanto a ser ler na net, há tanto a se ouvir na rádio…
    Viva e deixe viver!! rsrsrsrsrsrsrsrs
    Só erra quem faz
    Bjks

  6. “pra cada dedo apontado pra frente, tem 3 te apontando de volta.
    Não somos perfeitos e nem sempre damos o melhor de nós, pra que exigir tanto isso do outro?
    Viva e deixe viver!
    Só erra quem faz”
    Agusto Cury, cuidado. Com os padrões da sociedade cada vez mais frouxos, logo você perderá seu lugar para a Helô. Te cuida, rapaz.
    Pitty, cuidado. Com padrões tão frouxos como os da Helô, logo logo meu gato Negócio grava um superhit e você perde sua posição na cena pop-rock brasileira. O gato não tem nenhum talento, mas tem olhos azuis. Te cuida, amygha.

  7. Adoooro Equalize, acho muito a minha cara. O resto das músicas mal conheço… Pitty é meio estranha, igual a Bárbara Paz, mas existem piores.

  8. Ela tem seu mérito. Ainda mais num país bosta que nem esse, com povinho idem, que tem Tchan’s, Calcinha Preta’s, Tiriricas, Funk, pseudo-sertanejos, pseudo-pagodes e outros picaretas, tá até bom demais. Ainda mais se for, digamos, ‘palatável’.
    Pode até ser brega, mas “Na Sua Estante” caiu legal em certo momento.

  9. Badá,
    padrões frouxos tem o seu rabo que deve peidar desafinado…
    Tu não me conhece e ser flexível não deixa de ser um mérito.
    Num mundo que cultiva tanto ódio e tanta diferença,deixa a moça cantar…
    Continue julgando, seja feliz e vá dar a bunda pra sorrir um pouco mais!

  10. Nossa, que linguajar. Continuo julgando mesmo, quem publica alguma coisa mostra ao mundo para julgar. Eu não vim de onde você veio, então tenho nojo de falar desse jeito.
    O mundo está mesmo tão cheio de ódio e diferença? Que coisa! E a Pitty é a solução pra isso? Oh, então deixe a moça cantar!
    Augusto Cury, eu prefeiro você, bonitão.

Deixe uma resposta para Mel Cancelar resposta